Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Músicas recentes:
Veja as músicas que já tocaram por aqui.

Ex-chefe da Polícia Civil do RJ, Allan Turnowski é preso por envolvimento com organização criminosa - Serra dos Cristais

Fale conosco via Whatsapp: +55 61 3612-2929

No comando: Programação Religiosa

Das 00H00 às 05H00

No comando: Raiz Sertaneja 1ª Edição

Das 05:00 às 07:00

No comando: Conexão 89

Das 07:00 às 12:00

No comando: Viagem Musical

Das 12:00 às 14:00

No comando: Ritmo 89

Das 14:00 às 17:00

No comando: Raiz Sertaneja 2ª Edição

Das 17H00 às 20H00

No comando: 1 hora sem intervalo

Das 20H00 às 21H00

No comando: Companhia Musical Especial de Sábado

Das 21H00 às 00H00

No comando: A voz do Brasil

Das 21H00 às 22H00

No comando: Vida em Foco

Das 22H00 às 00H00

Ex-chefe da Polícia Civil do RJ, Allan Turnowski é preso por envolvimento com organização criminosa

Ex-secretário da Polícia Civil do Rio de Janeiro e candidato a deputado federal pelo Partido Liberal (PL), Allan Turnowski foi preso pelo Ministério Público nesta sexta-feira, 9. Ele é acusado de organização criminosa e envolvimento com o jogo do bicho. A ação foi um desdobramento de uma operação que levou à prisão, ainda no ano passado, do delegado Maurício Demetrio, que foi acusado de cobrar propina de comerciantes da Região Serrana para não realizar investigações. De acordo com a apuração do MP, que apreendeu celulares de Demetrio, ambos seriam muito próximos. Ainda segundo a linha de investigação, Turnowski está envolvido em um plano para matar o bicheiro Rogério Andrade, que também foi detido em agosto. Os delegados  seriam ligados a um outro contraventor, Fernando Inácio, inimigo de Andrade e que foi assassinado em um heliponto na zona Oeste do Rio de Janeiro, em 2020. Em vídeo divulgado nas redes sociais, a conta oficial Turnowski se defendeu. “A prisão é completamente ilegal! Os advogados de defesa até agora não tiveram acesso ao inquérito. O delegado Allan Turnowski sequer sabe do que está sendo acusado.”

Fonte: JP

Deixe seu comentário: